Você está aqui: Página Inicial / Notícias

I Fórum na Feira, em Angatuba, tratará das lontras neotropicais

Mariana Pezzo publicado em 13-09-2017 - 10:00

Acontece neste sábado, dia 16 de setembro, das 8 às 12 horas, a primeira edição do Fórum na Feira, atividade de educação ambiental resultante dos debates promovidos durante o II Fórum Ambiental de Angatuba, realizado em junho deste ano. O evento será na praça da Igreja Matriz de Angatuba, durante a tradicional feira de alimentos, ponto de encontro da população do município. Nessa primeira edição, as atividades tratarão especificamente da presença das lontras neotropicais nos rios Guareí e Paranapanema, de suas características e dos problemas enfrentados por essa população.

Estarão presentes no I Fórum na Feira os pesquisadores portugueses Nuno Pedroso e Sofia Dias, especialistas nas lontras tropicais, e as atividades terão também vídeos educativos sobre os hábitos das lontras e cartazes com dados de pesquisas, com o objetivo de divulgar o importante papel da espécie na preservação da biodiversidade. A participação é gratuita e aberta a todas as pessoas interessadas.

O Fórum na Feira tem justamente o objetivo geral de divulgar ações para a preservação dos recursos naturais junto à população de Angatuba. Como registrado, ele resulta do Fórum Ambiental de Angatuba, organizado pela comunidade do Campus Lagoa do Sino da UFSCar em parceria com a Estação Ecológica de Angatuba, o grupo Eco Road, as escolas estaduais Ivens Vieira e Professor Orestes Óris de Albuquerque e a Associação Verde de Angatuba (AVA). O Fórum na Feira conta também com o apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Angatuba.

O tema do II Fórum foi "Água & Biodiversidade", e o evento contou com aproximadamente cem participantes, que debateram as oportunidades de melhoria das questões ambientais do município. Entre as prioridades elencadas para o período até o próximo Fórum, previsto para junho do ano que vem, está a área da Comunicação, na qual se insere o Fórum na Feira, que acontecerá a cada dois meses.

Mais Notícias